Primeira Leitura (At 10,34a.37-43)


Leitura dos Atos dos Apóstolos:

Naqueles dias, 34aPedro tomou a palavra e disse: 37“Vós sabeis o que aconteceu em toda a Judéia, a começar pela Galileia, depois do batismo pregado por João: 38como Jesus de Nazaré foi ungido por Deus com o Espírito Santo e com poder. Ele andou por toda a parte, fazendo o bem e curando a todos os que estavam dominados pelo demônio; porque Deus estava com ele.

39E nós somos testemunhas de tudo o que Jesus fez na terra dos judeus e em Jerusalém. Eles o mataram, pregando-o numa cruz. 40Mas Deus o ressuscitou no terceiro dia, concedendo-lhe manifestar-se 41não a todo o povo, mas às testemunhas que Deus havia escolhido: a nós, que comemos e bebemos com Jesus, depois que ressuscitou dos mortos.

42E Jesus nos mandou pregar ao povo e testemunhar que Deus o constituiu Juiz dos vivos e dos mortos.

43Todos os profetas dão testemunho dele: “Todo aquele que crê em Jesus recebe, em seu nome, o perdão dos pecados”.

— Palavra do Senhor.

— Graças a Deus.


Responsório (Sl 117)


— Este é o dia que o Senhor fez para nós: alegremo-nos e nele exultemos!

— Este é o dia que o Senhor fez para nós: alegremo-nos e nele exultemos!

— Dai graças ao Senhor, porque ele é bom!/ “Eterna é a sua misericórdia!”/ A casa de Israel agora o diga:/ “Eterna é a sua misericórdia!”

— A mão direita do Senhor fez maravilhas,/ a mão direita do Senhor me levantou./ Não morrerei, mas ao contrário, viverei/ para contar as grandes obras do Senhor!

— A pedra que os pedreiros rejeitaram,/ tornou-se agora a pedra angular;/ pelo Senhor é que foi feito tudo isso!/ Que maravilhas ele fez a nossos olhos!



Assista o clipe que produzimos especialmente para celebrar a festa da Páscoa! Participação especial de Diego Fernandes:



Segunda Leitura (Cl 3,1-4)


Leitura da Carta de São Paulo aos Colossenses:

Irmãos: 1Se ressuscitastes com Cristo, esforçai-vos por alcançar as coisas do alto, 2onde está Cristo, sentado à direita de Deus; aspirai às coisas celestes e não às coisas terrestres. 3Pois vós morrestes, e a vossa vida está escondida, com Cristo, em Deus.

4Quando Cristo, vossa vida, aparecer em seu triunfo, então vós aparecereis também com ele, revestidos de glória.

— Palavra do Senhor.

— Graças a Deus.


Sequência de Páscoa


1. Cantai, cristãos, afinal: / "Salve, ó vítima pascal!"

Cordeiro inocente, o Cristo / abriu-nos do Pai o aprisco.

2. Por toda ovelha imolado, / do mundo lava o pecado.

Duelam forte e mais forte: / é a vida que enfrenta a morte.

3. O rei da vida, cativo, / é morto, mas reina vivo!

Responde, pois, ó Maria: / no teu caminho o que havia?

4. "Vi Cristo ressuscitado, / o túmulo abandonado.

Os anjos da cor do sol, / dobrado ao chão o lençol...

5. O Cristo, que leva aos céus, / caminha à frente dos seus!"

Ressuscitou de verdade. / Ó Rei, ó Cristo, piedade!




Anúncio do Evangelho (Jo 20,1-9)


— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós!

— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

— Glória a vós, Senhor!

1No primeiro dia da semana, Maria Madalena foi ao túmulo de Jesus, bem de madrugada, quando ainda estava escuro, e viu que a pedra tinha sido tirada do túmulo.

2Então ela saiu correndo e foi encontrar Simão Pedro e o outro discípulo, aquele que Jesus amava, e lhes disse: “Tiraram o Senhor do túmulo, e não sabemos onde o colocaram”.

3Saíram, então, Pedro e o outro discípulo e foram ao túmulo. 4Os dois corriam juntos, mas o outro discípulo correu mais depressa que Pedro e chegou primeiro ao túmulo. 5Olhando para dentro, viu as faixas de linho no chão, mas não entrou.

6Chegou também Simão Pedro, que vinha correndo atrás, e entrou no túmulo. Viu as faixas de linho deitadas no chão 7e o pano que tinha estado sobre a cabeça de Jesus, não posto com as faixas, mas enrolado num lugar à parte.

8Então entrou também o outro discípulo, que tinha chegado primeiro ao túmulo. Ele viu, e acreditou.

9De fato, eles ainda não tinham compreendido a Escritura, segundo a qual ele devia ressuscitar dos mortos.


— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.


Homilia: Precisamos experimentar Jesus vivo e ressuscitado no meio de nós

De fato, eles ainda não tinham compreendido a Escritura, segundo a qual ele devia ressuscitar dos mortos” (João 20,9).

É verdade que todos nós ficamos eufóricos com uma Boa Nova, com uma boa notícia, e a melhor das notícias que alguém pode receber é que o Senhor está vivo.

Maria Madalena, Pedro, João e todos aqueles que foram ao túmulo não encontraram o corpo do Senhor. Num primeiro momento, a surpresa, o medo e o temor tomaram conta do coração deles. O problema não era o túmulo estar vazio, mas é a cabeça não estar aberta para compreender o que a Sagrada Escritura já havia anunciado, predito, e que, agora, estava acontecendo. A verdade é uma só: Ele está vivo.

Celebrando a Páscoa de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, Ele vem para abrir a nossa mente, o nosso coração, para que em nós entre a Palavra d’Ele e façamos a experiência com o Ressuscitado.

Precisamos proclamar aquilo que conhecemos, precisamos anunciar aquilo que experimentamos. Hoje, precisamos experimentar Jesus vivo e ressuscitado. Precisamos deixar no túmulo tudo aquilo que causa morte em nós, tudo aquilo que tira a nossa esperança, abala a nossa fé e nos deixa desanimados, porque o Senhor está vivo, Ele está no meio de nós.


Precisamos deixar, no túmulo, tudo aquilo que tira a nossa esperança, porque o Senhor está vivo

Queremos adorá-Lo, queremos amá-Lo e servi-Lo, queremos que a força do Ressuscitado esteja agindo na vida de cada um de nós. Onde quer que você ande, hoje e por todos os dias da sua vida, vença a morte com a vida, a desesperança e o desespero que toma conta do coração de todos com essa certeza única da nossa vida. A certeza de que Ele está vivo e quem está com Ele viverá com Ele para sempre.

Proclamemos, em alto e bom tom, onde quer que estejamos, a ressurreição do Senhor: "Ele vive, Ele é o Senhor!". Que tenhamos uma feliz e santa Páscoa!

Deus abençoe você!

Pe. Roger Araújo
Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova.
fb.com/rogeraraujo.cn

Santo do Dia:

Santo Anselmo - Bispo e Doutor da Igreja

Bispo e Doutor da Igreja. É dele a frase: “Não quero compreender para crer, mas crer para compreender, pois bem sei que sem a fé eu não compreenderia nada de nada.” O santo de hoje é chamado de teólogo-filósofo.

Nasceu em Piamonte no ano de 1033. Seu pai era Conde e devido ao mau relacionamento com ele, saiu de casa, apenas com um burrinho e um servo.

Foi em busca da ciência, mas também se entregando aos prazeres. Era cristão, mas não de vivência. Devido aos estudos, ‘bateu’ no Mosteiro de Bec e conheceu Lanfranc, um religioso e mestre beneditino. Através dessa amizade edificante, descobriu um tesouro maior: Jesus Cristo.

Nesse processo de conversão, abriu-se ao chamado à vida religiosa e entrou para a família beneditina. Seu mestre amigo foi escolhido para ser bispo em Cantuária e Anselmo ocupou o lugar do Mestre, chegando a ser também Superior. Um homem sábio, humilde, um formador para as autoridades, um pai. Um verdadeiro Abade.

Por obediência à Mãe Igreja, foi substituir seu amigo, que havia falecido, no Arcebispado de Cantuária. Viveu grandes desafios lá, retornando a Piamonte, onde faleceu, com esta fama de santidade e testemunho de fidelidade e amor à Cristo e à verdade.

Santo Anselmo, rogai por nós!