Nome: Santos Ponciano e Hipólito (Memória Facultativa)
Local: Roma, Itália
Data: 13 de Agosto † c. 236

Não possuímos muitos dados históricos sobre estes santos mártires. Pertenceram à Igreja de Roma, um como papa e outro como presbítero e, talvez, até como antipapa.

1) São Ponciano: Ponciano foi bispo de Roma de 230-235. Na perseguição do imperador Maximino, o Trácio, foi exilado e condenado a trabalhos forçados nas minas da Sardenha. Sendo já idoso, depôs seu cargo e deu ordem que em Roma se escolhesse outro papa em seu lugar. Que se saiba, é o primeiro caso de abdicação de um bispo de Roma.

2) Santo Hipólito: Era presbítero da Igreja Romana. Há dúvidas sobre a identidade deste santo presbítero. Segundo os dados históricos, este Hipólito, mártir romano, deve ser distinguido de duas outras pessoas: de um bispo, escritor oriental, residente em Roma, e de um escritor cismático, autor de Philosophoumena e das outras obras elencadas no pedestal da estátua de Hipólito na Biblioteca Vaticana. Dados incertos levariam a identificar o presbítero Hipólito com o escritor rigorista que, lançando-se contra o papa Zefirino e acusando-o de excessiva indulgência, tornou-se antipapa contra Calisto 1. Hoje já não se admite a identificação de Hipólito, mártir de Roma, com o Hipólito, grande escritor, este, muito considerado por São Jerônimo, autor de Philosophoumena e da Tradição apostólica.

Em todo caso, diz a tradição que ele foi exilado para a Sardenha e sujeito a trabalhos forçados, onde morreu como o papa Ponciano.

Na comemoração dos mártires não se faz nenhuma alusão a antipapa nem ao grande escritor. Quanto a Hipólito trata-se simplesmente de um presbítero romano mártir.

A Oração coleta lembra apenas a admirável constância dos mártires Ponciano e Hipólito. Que sua memória faça crescer em nós o amor de Deus e mantenha em nossos corações uma fé sempre firme. Vemos, pois, pastores da Igreja, bispo e presbítero, dando testemunho de Cristo, dando a própria vida pelo rebanho a estes confiado.

Referência:
BECKHÄUSER, Frei Alberto. Os Santos na Liturgia: testemunhas de cristo. Petrópolis: Vozes, 2013. 391 p. Adaptações: Equipe Pocket Terço.

Para mais terços, novenas e orações de vários santos, baixe o aplicativo Pocket Terço em seu Android ou iPhone.